BGS 2015: os geeks produzindo jogos (e é bom ficar de olho neles)

B2B Magazine

Switch to desktop Register Login

BGS 2015: os geeks produzindo jogos (e é bom ficar de olho neles)

BGS 2015: os geeks produzindo jogos (e é bom ficar de olho neles) Shutterstock

Alguns sucessos de consumo hoje – em cinema, livros e outros – surgiram no universo nerd e ganharam o mundo. Por que não seria o mesmo com os games?

Pequenos estúdios brasileiros e ao redor do mundo estão produzindo uma quantidade absurda de jogos de ocasião ou games bem acabados com temáticas emergentes. E é bom ficar de olho neles.

 

Afinal, se hoje eles adoram heróis e temas épicos, como o do universo do Senhor dos Anéis, amanhã poderá ser outro. E atualmente são eles que ditam uma série de bens de consumo que viram sucesso.

 

Do universo nerd, herdamos os gostos pelo universo Marvel, os videogames e toda essa atmosfera virtual. Logo, somos todos geeks? A julgar pelo andam fazendo alguns novos desenvolvedores, os indie gamers, sim.

 

Um dos destaques na Brasil Game Show foi a Messier, uma produtora brasileira e com ideias realmente inovadoras. Eles apostaram em heróis, mas não aqueles com roupas em azul e vermelho. Eles revisaram o folclore brasileiro e repaginaram os velhos Saci e Cuca, transformando-os em seres assustadores de jogos de luta. “Os brasileiros querem algo verdadeiramente do Brasil. Não leituras de personagens daqui, mas algo feito por nós. É uma reafirmação da nossa cultura”, disse um dos desenvolvedores do jogo Kriaturaz, da Messier, Tiago Maricarte.

 

Outra aposta atual são temas relacionados a um universo medieval paralelo com elfos, anões e outros seres fantásticos. Foi o que fez a Void, outra produtora de games brasileira, com o jogo “Eternity: the last unicorn”. Em breve, eles vão lançar o game nas plataformas do Sony e da Microsoft.

 

Leia mais:
BGS 2015: as maiores e velhas apostas
BGS 2015: tabuleiros e games: um casamento real e virtual
Você é fã de videogame? Então deveria conhecer Phil Spencer 

 

 

 

Compartilhe:

Submit to FacebookSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn
Última modificação em

B2B Magazine 2017 - Todos os direitos reservados.

Top Desktop version