5 motivos para recorrer ao Marketing Digital na crise

B2B Magazine

Switch to desktop Register Login

5 motivos para recorrer ao Marketing Digital na crise

5 motivos para recorrer ao Marketing Digital na crise Shutterstock

 

Infelizmente, a economia está mostrando sinais de luta diante de um cenário político instável e um povo receoso em gastar dinheiro. A simples pronúncia da palavra “crise” já causa medo nas pessoas e isso desacelera o consumo, atingindo em cheio o faturamento das empresas. Em contrapartida, a evolução do Marketing Digital tem atraído substancialmente os empresários, que estão utilizando de estratégias assertivas nesse canal com um custo bem menor que comparado às mídias offline.
 
Pensando no momento atual, levantamos cinco razões para se utilizar de estratégias digitais e driblar de vez a crise econômica. A questão é: como o Marketing Digital pode ajudar sua empresa driblar a crise e sair na frente dos seus concorrentes?
 
 
1 - Segmentação: na internet você consegue comunicar com o seu cliente potencial e não ficar dando tiro no escuro até acertar alguém. Esteja onde as pessoas estão procurando sua marca e forneça conteúdo relevante a seu cliente que o caminho até a venda se tornará bem mais curto. Afinal, qual é o primeiro lugar onde você busca um serviço ou produto?
 
2 - Baixo investimento: para iniciar ações no Marketing Digital você pode começar gastando pouco e à medida que mensurar o retorno desse investimento poderá escalar esses valores. Quando o ROI é positivo, o investimento pode ser infinito.
 
3 - Mensuração de resultados: alguma vez você conseguiu mensurar as visualizações do seu outdoor ou mesmo quantas pessoas de fato entraram no seu site após lerem um folder da sua empresa? Bem provável que não. Porém, na internet os resultados são palpáveis, conseguimos enxergar as conversões e mensurar as vendas relacionando com o canal de comunicação veiculado.
 
4 - Inteligência da informação: existe uma diversidade de ferramentas que conseguem minerar dados coletados na internet e se transformam em fontes de informação extremamente importantes para tomada de decisão dos gestores. Imagine você mapear o que o seu público está dizendo sobre você, onde seus clientes estão e quais as marcas mais admiradas por eles. Tudo isso pode dar rumo ao desenvolvimento de novos produtos ou estratégias para o seu negócio. Além disso, você consegue identificar os advogados da sua marca e ninguém melhor do que você, empresário, para reconhecer o poder da indicação.
 
5 - Criatividade e inovação: seja diferente, a internet está cheia de pop-ups, não seja uma publicidade invasiva. Estude seu cliente e trabalhe em sua comunicação conteúdos que chamem a atenção do perfil do seu público. Reinvente todos os dias, utilize quizzes, call to actions e não tenha medo de falhar. Afinal a internet é dinâmica e sua empresa também deve ser.

 
*Carlos Costa é especialista em Marketing e Inteligência Competitiva (IPOG) e e professor do curso de aperfeiçoamento profissional “Google Adwords e Estratégias Digitais” do Instituto de Pós-Graduação e Graduação (IPOG)

 

Leia mais:
PMEs: como otimizar o budget de marketing digital?
5 tendências de marketing digital em 2015
4 dicas para adicionar o Snapchat à estratégia de marketing

 

Compartilhe:

Submit to FacebookSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

B2B Magazine 2017 - Todos os direitos reservados.

Top Desktop version