3 ferramentas que ajudam a monetizar seu aplicativo

B2B Magazine

Switch to desktop Register Login

3 ferramentas que ajudam a monetizar seu aplicativo

3 ferramentas que ajudam a monetizar seu aplicativo Shutterstock


Os smartphones tornaram-se quase uma extensão do corpo nos tempos atuais. O que faz dos aplicativos um mercado em plena expansão. O mobile é a principal aposta dos desenvolvedores que criam, disponibilizam e aprimoram seus apps. Mais do que somar uma base de milhões de usuários, esse triunfo está vinculado a estratégias efetivas de monetização e algumas ferramentas já foram criadas para auxiliar esse quadro.  


Com diferentes formas de monetizar os aplicativos recém-lançados e até mesmo os consagrados nos smartphones, é preciso identificar a melhor possibilidade de acordo com o público final, com a função do app e com o objetivo do desenvolvedor. Utilitários, noticiosos e sociais podem se beneficiar da monetização via publicidade, com a inserção de ads de terceiros e lucro referente à quantidade de tráfego dos usuários, combinada ou não a outras fontes de receita.


De acordo com análise de mercado da empresa IDC, até o próximo ano o crescimento da geração de receita com publicidade em aplicativos será de 65%. Os principais players do mercado já contam com plataformas para os desenvolvedores, com características próprias de monetização, como:


1. Google AdMob
A solução integra recursos não só para gerar receita, mas também é capaz de analisar as informações dos usuários e otimizar as compras realizadas no app. A AdMob permite escolher entre três formatos diferentes de publicidade, intersticial, banner e vídeo; controlar os anúncios com o uso de filtros por tema, posição e horário de exibição; e receber CPMs (custo por mil impressões) maiores quando há concorrência dos anunciantes. Também é possível integrar anúncios do tipo native ads, que proporcionam uma experiência visual semelhante ao app em uso.


2. Facebook Audience Network
Assim como as propagandas exibidas nas redes sociais, a ferramenta de ads do Facebook para aplicativos móveis é similar à inteligência utilizada dentro da rede social, com a mesma eficácia no target e na mensuração dos resultados. Por isso, é recomendada para os parceiros que buscam expandir as campanhas do Facebook. Para entregar ads relevantes entre os mais de 3 milhões de anunciantes que utilizam a solução, é possível utilizar as native ads, que, de acordo com a empresa, têm performance até 7 vezes melhor do que o formato de banner.


3. DU Ad Platform
A plataforma para monetizar aplicativos do Baidu permite que o desenvolvedor tenha uma forma única de integração tendo a vantagem de estar integrado com mais de 50 plataformas de publicidade, incluindo as redes Google AdMob e Facebook Audience Network para maximizar a receita dos desenvolvedores, que, durante o ano de 2016, será 100% repassada ao parceiro. Por estar integrado com diversas plataformas, as campanhas têm alta taxa de entrega para o usuário, pois o slot destinado aos ads nunca fica vazio. Atualmente a plataforma DU Ad Platform gera mais de 150 milhões de impressões diárias para uma base de 20 milhões de usuários únicos só no Brasil. Além disso, possui o menor SDK do mercado, de apenas 100 KB, e a disponibilidade de native ads, menos intrusivas para o usuário.

 

Compartilhe:

Submit to FacebookSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

B2B Magazine 2017 - Todos os direitos reservados.

Top Desktop version